Candidato a vereador flagrado estuprando cadela é achado morto

O candidato a vereador de Caldas Novas (GO) denunciado por supostamente estuprar uma cadela foi encontrado morto em uma casa localizada em Araguari (MG). A Polícia Civil de Goiás (PCGO) confirmou a informação. As informações são do Metrópoles.

O corpo do homem de 54 anos foi localizado em um terreno. O delegado Regional de Caldas Novas, Gustavo Carlos Ferreira, disse que informações preliminares indicam que o candidato tirou a própria vida.

No dia anterior à morte, ele foi até a delegacia registrar a perda de documentos. E teria deixado uma carta pedindo perdão pelos crimes cometidos.

A investigação sobre a morte segue com a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG). O caso da cadela será encerrado devido à extinção da punibilidade.

Estupro
O caso teria ocorrido em 31 de outubro, mas a ocorrência só foi registrada no dia 4 de novembro. De acordo com a denúncia, o dono do animal, que seria vizinho do suspeito, fez as imagens ao perceber os abusos.

O delegado titular de Caldas Novas disse que o animal e o local onde teriam ocorrido os maus-tratos passaram por perícia.

O caso foi denunciado nas redes sociais pelo protetor de animais Josiel Pedro Barbosa. Com o nome de Josiel dos Cachorros (PDT), ele também é candidato a vereador em Caldas Novas.

Josiel acompanhou o atendimento veterinário prestado à cadela vítima dos maus-tratos e postou as imagens do resgate nas redes sociais. “É uma cachorrinha com bastante trauma, medo. Ela morre de medo de homem e chora”, contou.

O Metrópoles optou por não divulgar o nome do candidato porque ele era considerado suspeito e a autoria do crime não foi confirmada pela polícia. com Metrópoles.

Leave a Reply

Seja o primeiro a comentar