Homem é preso após se passar por policial para impressionar a namorada

A Polícia Militar (PM) prendeu, na noite do último domingo (9), em Ponte Nova, município localizado na Zona da Mata Mineira, um rapaz, de 22 anos, que se passava por policial. De acordo com as autoridades, ele fez isso para se aproximar da sociedade e fortalecer seu relacionamento, impressionando a namorada. Segundo a PM, as suspeitas de que o homem não era de fato um policial militar surgiu após a população desconfiar de que o poder aquisitivo dele não correspondia ao de um militar.

Além disso, a polícia recebeu uma denúncia de que Talles Henrique Martins de Paula teria realizado uma abordagem em Alvinópolis, a 61 km de Ponte Nova, dias antes da prisão. Ainda de acordo com as denúncias, o rapaz portava uma arma de fogo durante as diligências. Após receber o telefonema denunciando o crime de falsa identidade, a polícia foi até a casa da namorada de Talles, na Rua Antônio Esteves Delgado, na comunidade São José. Enquanto os militares conversavam com a garota, o rapaz tentou fugir, mas desistiu.

Na presença de todos, Talles voltou a afirmar que era policial militar e declarou que estava lotado no Batalhão de Polícia Militar Dom Silvério. Mas, segundo as investigações da PM, o nome do rapaz não constava nos registros da instituição.

Desmascarado, o autor acabou confessando a mentira. A namorada de Talles disse à polícia que eles estavam juntos há dois meses e que ele sempre se apresentou como policial. Ainda segundo ela, o namorado sempre a visitava com blusas de malha da PM, uma arma de fogo e uma carteira com o brasão da corporação.
Apreensão Na internet, Talles compartilhava fotos em que ele estava com o fardamento da PM. Além disso, o rapaz publicava vídeos dando disparos com a arma.

Indagado pelos militares, o autor disse que não possuía uma arma, mas, sim, uma airsoft e um coldre semelhantes aos da polícia.

Os materiais foram apreendidos e encaminhados, juntamente com o rapaz, para a delegacia de Ponte Nova, onde a ocorrência foi encerrada. G1

Leave a Reply

Seja o primeiro a comentar