Expulso de casa aos 16 por ser gay descobre que pai se prostituía

Shawn O’Connor, que se assumiu homossexual com apenas 15 anos, foi expulso de casa pelo pai, que não aceitava sua orientação sexual. Recentemente, ele descobriu que o progenitor mantinha uma página em um site norte-americano para se prostituir e que participava de orgias com outros homens.

O caso foi relatado pelo jovem em um post publicado em uma rede social e que tem viralizado pela internet. Nele, Shawn conta que sua irmã também foi expulsa de casa quando tinha 16 anos, depois de assumir bissexual.

“Nessa mesma época, eu nasci e fui criado pelo meu pai para ser tudo, menos gay. Aos 15, fui expulso pelo meu pai homofóbico e dormi na rua por dois dias porque meus pais eram divorciados e não tinha como contar para minha mãe”, explicou.

Já fora de casa e em contato com suas duas irmãs mais velhas, ele descobriu que o pai conseguiu um novo emprego e doou seu antigo laptop para o neto, mas esqueceu de apagar o histórico da internet, deixando conectado a um email e uma página em que disponibilizava para fazer programas. 

“Pedi para que minhas irmãs investigassem. [Ela descobriu que] meu pai estava se vendendo para sexo gay em páginas no Craiglist e recebia dinheiro em anos de traições com homens”, comentou.

Tempos depois, Shawn conheceu um affair em um aplicativo de relacionamento e recebeu uma proposta para participar de uma orgia com vários homens. O rapaz recebeu algumas fotos dos participantes do sexo em grupo e, entre eles, estava o próprio pai.

“Ele me enviou fotos do meu pai como um dos participantes. Minhas irmãs e eu colocamos todas as evidências em meias de Natal para que toda a família encontrasse na manhã de Natal de 2017”, contou.

O vídeo compartilhado no dia 3 de dezembro já tem mais de 10 milhões de visualizações no TikTok.

Leave a Reply

Seja o primeiro a comentar