Grávida fica em choque após a morte do pai por coronavírus e morre de AVC

Uma mulher identificada como Marciele Feldman, de 40 anos, morreu nessa quinta-feira (07/01), em Cuiabá/MT, 13 dias após ficar em choque e sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC) ao saber da morte do pai dela por coronavírus. As informações são do G1.

Marciele é filha do professor Lauro Feldmann, de 69 anos, que morreu no dia 25 de dezembro enquanto estava internado com Covid-19 no Hospital Regional de Água Boa. Ela já era mãe de uma adolescente de 16 anos.

Marciele Feldman, de 40 anos, ficou em choque ao saber da morte do pai por Covid-19, teve parto de emergência e morreu após AVC em Mato Grosso Reprodução / Facebook

A vítima passou mal e entrou em choque ao saber da morte do pai. Grávida de 8 meses, ela foi levada às pressas ao hospital da cidade e sofreu uma convulsão.

Marciele foi encaminhada para um parto de emergência e o bebê, Bernardo Augusto, nasceu.

No mesmo dia, Marciele se queixou de dores de cabeça, foi entubada e levada para uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI), mas não resistiu aos ferimentos.

O corpo de Marciele foi enterrado na manhã desta sexta-feira (08/01), em Água Boa. G1

Leave a Reply

Seja o primeiro a comentar