Professora é presa por mandar nudes e manter relação sexual com aluno de 15 anos

Uma professora, de 35 anos, foi condenada a cinco anos de prisão por fazer sexo com um garoto de 15, seu aluno, no condado de Buckinghamshire, no sul da Inglaterra. As informações são do jornal The Sun.

Kandicer Barber é casada e mãe de três filhos, e teria começado a trocar mensagens com o garoto há pelo menos dois anos, nas quais mandava “nudes” e mensagens eróticas.

Em fevereiro de 2020, ela buscou o adolescente em sua casa e o levou até um matagal, onde fez sexo com ele dentro do carro. Depois do ato, ela teria ameaçado o garoto dizendo que o acusaria de estupro caso ele revelasse o caso para alguém.

Em março de 2020, ela foi presa após o vazamento de suas fotos nuas pela escola. Na época, o garoto negou que as fotos eram para ele e disse não ter qualquer relacionamento inadequado com a professora. Ela pagou fiança e respondeu em liberdade.

Mas agora ela foi condenada pelos crimes de incitação de criança em atividade sexual estando em posição de confiança e de comunicação de conteúdo sexual com uma criança.

Kandice nega ter feito sexo com o adolescente e diz que ele inventou a história para se mostrar para os colegas de escola. Mas ela confessou ter mandado nudes e mensagens eróticas para ele.

Um amigo do garoto disse que viu as fotos da professora nua no celular do colega, junto com uma mensagem da professora em que ela perguntava “você gosta mais de peito ou de bunda?”.

Ele também afirmou que o colega contou da relação sexual que teria tido com a professora. “Comi ela”, teria dito o adolescente. UOL

Leave a Reply

Seja o primeiro a comentar