Brasileira compra casa na Itália por menos de R$7

Imagine comprar uma casa imensa e, ainda por cima, extremamente antiga, praticamente uma relíquia? Essa foi a oportunidade agarrada pela brasileira Andreia Lemos, de 58 anos, que está muito mais do que “radiante” depois da grande aquisição feita ao se tornar proprietária de um imóvel na Itália.

Depois de muitos trâmites burocráticos, a consultora de planejamento comemorou a aquisição da casa por apenas um euro (R$ 6,68 na cotação de hoje) na Toscana, região conhecida na Itália por ter sido cenário de inúmeros filmes, além de encantar pela beleza natural.

A construção histórica data da época de 1500 e a compra é parte do projeto Casa 1 Euro, uma estratégia do governo italiano para revitalizar imóveis que tenham sido abandonados pelos donos, geralmente, herdeiros que cedem os endereços em troca de abatimento nos impostos.

“Não pensei duas vezes. O mundo deu a volta e tenho uma casa da Idade Média. É uma ruína, mas ela está lá”, comemorou a profissional depois de saber que o poder público italiano havia lançado mais um programa em que pagava a reconstrução da parte externa da edificação na qual estava interessada – até então, Andreia não tinha recursos financeiros suficientes para a reforma.

“As propriedades de 1 euro são praticamente pedras, compramos ruínas. Preciso reconstruir tudo e contratar arquitetos e construtores certificados porque se trata de um patrimônio histórico”, explicou a brasileira.

O imóvel de Andrea fica no bairro Vetricetto, que integra a comuna italiana Fabbriche di Vergemoli, da província de Lucca. É considerada uma área um pouco mais alta nas montanhas, mais isolada e residencial. A cidade possui um povoado de, aproximadamente, 800 habitantes. com DOL

Leave a Reply

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.