Corpo de mulher é violado em cemitério e genitália dela arrancada com faca

Ocorrência foi registrada pela Polícia Militar (PM): mulher foi sepultada no sábado.

Enterrado no sábado, o corpo de uma mulher de 27 anos foi vilipendiado em uma sepultura no cemitério Maria Abadia da Cruz, no distrito de Flor de Minas, em Gurinhatã, no Triângulo Minas Gerais, e a genitália dela mutilada com uma faca após o enterro.

O crime foi descoberto pela Polícia Militar (PM) após uma denúncia feita pela irmã da vítima na noite de domingo. Após a ocorrência, o corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Ituiutaba, também no Triângulo, onde foi submetido a perícia. O caso é investigado pela Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) em Santa Vitória, à mesma região do Estado.Leia mais

Segundo consta no histórico do boletim, a violação do túmulo e as agressões contra o corpo foram descobertas depois que uma pessoa, que visitava o túmulo de um familiar, percebeu o cadáver revirado na sepultura. Ela acionou a polícia, e peritos constataram que o corpo foi desenterrado e as partes íntimas da mulher arrancadas com um objeto cortante.

Indagada, a Polícia Civil informou que instaurou inquérito e aguarda a conclusão dos laudos periciais em até 30 dias. “Mais informações serão repassadas à imprensa na conclusão dos trabalhos investigativos, que tramitam na Delegacia de Polícia Civil em Santa Vitória”, declarou a corporação por meio de nota.

com https://comunidade.f7noticias.com/

Leave a Reply

Seja o primeiro a comentar