NASA estuda asteroide com tanto metal precioso que faria todos na Terra bilionários


A NASA está lançando uma missão para estudar um asteroide que vale mais de US $ 10.000 quatrilhões (R$ 72. 4 quatrilhões) – que dizem conter tanto metal precioso que todos na Terra seriam bilionários se sua preciosa carga fosse dividida entre a humanidade.


Psyche 16 – avistada pela primeira vez em março de 1852 – é uma rocha espacial de 200 km de largura que será o foco principal do projeto da NASA, com lançamento previsto para agosto de 2022.


A espaçonave chegaria ao asteroide quatro anos depois, no início de 2026.
Será a primeira exploração em um mundo de metal em vez de rocha e gelo. A NASA disse: “Ao contrário da maioria dos outros asteroides que são corpos rochosos ou gelados, os cientistas pensam que o asteroide 16 Psyche tipo M (metálico) é composto principalmente de ferro metálico e níquel semelhante à Terra”.


“As descobertas são um passo para resolver o mistério da origem deste objeto incomum, que foi considerado por alguns como um pedaço do núcleo de um protoplaneta”, disseram os pesquisadores do estudo recente.


Eles descobriram que sua superfície era composta de pelo menos 30% de metal, com outras rochas na superfície contendo grãos de metal.

Katherine de Kleer, professora assistente de ciência planetária e astronomia, acrescentou: “Achamos que fragmentos dos núcleos, mantos e crostas desses objetos permanecem hoje na forma de asteroides.

Se isso for verdade, isso nos dá nossa única oportunidade real de estudar diretamente os núcleos de objetos semelhantes a planetas.”

Leave a Reply

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.