No Maranhão professor é preso acusado de abuso e exploração sexual contra aluna

Um professor de dança de 47 anos, suspeito de estuprar uma jovem que, na época do suposto crime, tinha 7 anos de idade, foi localizado e preso no Maranhão. A investigação aponta que o homem, que é professor de dança, abusava da criança, que era sua aluna, em Novo Gama, no Entorno do Distrito Federal. A prisão aconteceu na quinta-feira (30), após uma ação conjunta da Polícia Civil de Goiás e do Maranhão.



À polícia, a vítima relatou que foi abusada sexualmente pelo professor de dança dos 7 aos 10 anos, entre 2007 e 2010, mas só agora, aos 18 anos, procurou a delegacia para denunciar o crime. A jovem também informou à polícia que ele mostrava para as crianças cenas de pornografia infantil com o intuito de praticar os abusos.



Segundo o delegado Pedro Trajado, titular da Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (Deam) de Novo Gama, após meses de investigação, a polícia conseguiu descobrir a localização do homem e prendê-lo temporariamente.



O acusado, Edilberto Silva, agora está sendo investigado pela polícia de Balsas, as autoridades investigam se o acusado cometeu crimes semelhantes em Balsas, tendo em vista que em Balsas o acusado já trabalhou em projetos sociais com várias crianças, também era conhecido por dirigir a encenação da via sacra na cidade de Balsas.

O delegado instaurou um inquérito contra o suspeito para apurar os crimes de estupro de vulnerável e por facilitar a crianças acesso a material contendo cenas de sexo explícito ou pornográfico para praticar atos libidinosos.

Maranhão De Verdade

Leave a Reply

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.