Pastor passa mal em evento e morre; pai descobre e também não resiste

Um pastor evangélico morreu no último sábado (23/10) durante um evento em São Roque, no interior de São Paulo. Eduardo Dias, de 45 anos, líder da Igreja Evangélica Novo Israel, passou mal na cozinha da igreja e não resistiu. O pai dele, João Dias, também faleceu após saber da perda do filho. As informações são do Metrópoles.

O pastor tinha acabado de falar em um evento na igreja a qual comandava quando teve um mal súbito. Eduardo Dias chegou a ser socorrido para o Hospital Santa Casa, mas não resistiu.

João, pai de Eduardo, foi ao hospital acompanhar o estado de saúde do filho. Mas quando soube da morte do pastor, ele ficou nervoso e sofreu uma parada cardíaca, morrendo no local.

Homenagem nas redes sociais

Os corpos de pai e filho foram enterrados no último domingo (24/10) em Mairinque, no interior de São Paulo. A mulher do líder evangélico, Elisabeth Alves Dias, afirmou que não consegue acreditar na morte do marido. Em uma publicação no Facebook, ela afirmou não ser capaz de escrever luto em sua foto de perfil.

“Não consigo trocar minhas fotos por luto porque em todas você está lá”, disse a mulher, que acrescentou um coração partido e carinhas de choro. “Obrigada a todos. Não consigo responder, são mais de 800 mensagens. Amamos todos.”

Conhecido como Pastor Du, o líder religioso recebeu uma homenagem da igreja que comandava.

“É com profundo pesar que a Igreja Novo Israel informa o falecimento de Eduardo Dias, conhecido como “Du”, pastor e líder responsável. Nosso querido Pastor Du deixará muitas saudades. Agradecemos imensamente o tempo que convivemos com ele, e pela dedicação ao trabalho realizado que será sempre lembrado pelo amor a Deus e às pessoas. Pela sua lealdade, competência e caráter! Deixa um legado em nossa igreja”, lamentou em comunicado no Facebook. com Metrópoles.

Leave a Reply

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.