Presidente do Haiti é assassinado a tiros em sua casa, afirma primeiro-ministro

O presidente do Haiti, Jovenel Moïse, foi assassinado nesta madrugada em sua casa em Porto Príncipe, em um “ato hediondo, desumano e bárbaro”, disse o primeiro-ministro interino Claude Joseph em um comunicado nesta quarta-feira (7).

Um grupo de indivíduos não identificados atacou a residência particular do presidente haitiano por volta da 1h e o matou a tiros. A primeira-dama Martine Moïse ficou ferida e está recebendo cuidados médicos, disse Joseph no comunicado.

“A segurança no país está sob controle da Polícia Nacional do Haiti e das Forças Armadas do Haiti. Todas as medidas estão sendo tomadas para garantir a continuidade do Estado e proteger a Nação”, acrescentou o comunicado.

O ataque ocorreu em meio a uma onda crescente de violência politicamente ligada ao empobrecimento do país caribenho. Com o Haiti politicamente dividido e enfrentando uma crescente crise humanitária e de escassez de alimentos, há temores de uma desordem generalizada.

“Todas as medidas estão sendo tomadas para garantir a continuidade do estado e proteger a nação”, disse Joseph. com CNNBrasil

Leave a Reply

Seja o primeiro a comentar