VÍDEO! Bombeiro apalpa seio de menina de 14 anos em mercado e acaba preso

Um sargento do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal (CBMDF),  foi preso na última sexta-feira (04), após ter sido flagrado passando a mão nos seios de uma adolescente de 14 anos, dentro de um supermercado, na região do Setor O, em Ceilândia.

O circuito interno de segurança do estabelecimento flagraram o momento exato em que o militar apalpa o seio da menina. A jovem passava por um dos corredores do mercado na companhia da mãe (que está vestida de rosa) e do irmão quando o bombeiro, que vinha na direção contrária, cometeu o assédio.

Em um movimento rápido, o militar estica o braço e desliza uma das mãos sobre o seio da adolescente. A menina avisou à família que o homem havia abusado dela, o que gerou uma confusão. Durante a discussão, o sargento negou ter encostado na jovem. A família da menina pediu ajuda aos funcionários do mercado que mostraram o vídeo comprovando o assédio.

O bombeiro chegou a ser ameaçado de linchamento por populares. Ele acabou sendo imobilizado no chão por pessoas que estavam no local até a chegada de uma viatura da PM. Ele foi levado para a Delegacia Especial de Atendimento a Mulher (Deam) e autuado por importunação sexual.

Um oficial da corporação foi chamado para tomar conhecimento sobre o caso e conduzir o sargento para uma prisão militar. O militar deverá passar por audiência de custódia nos próximos dias.  Em nota dada ao Metrópoles, a corporação informou que tomou conhecimento do fato na sexta (04) e que desde então acompanha todos os procedimentos apuratórios.

Em momento oportuno, se confirmando a veracidade das informações, como de praxe, tomará todas as medidas administrativas cabíveis e necessárias para o caso”, aponta a nota.

Claudiney Valadares Lula foi autuado por importunação sexual na Delegacia Especial de Atendimento a Mulher II (Deam II).

Assista ao momento:

com https://sueldasantos.com.br/

Leave a Reply

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.